Um junho de festas populares e liberdades

Filipe Ribeiro, jornalista e Diretor do Notícias de Aguiar

0
2841

Junho é, por definição, o mês que abre as festas populares de norte a sul do país. Da grande cidade ao lugarejo mais recôndito, o mês que abre o verão traz consigo a promessa de uma alegria que ignora geografias.

O programa do REC – Repórteres em Construção de junho de 2023 também se junta a este propósito de festejo. No programa deste mês, ouvimos, por um lado, como a liberdade artística pode ser tão expressiva com a utilização de silos. Por outro, e num mês de romarias religiosas, medimos o pulso aos preconceitos que ainda persistem quando se pretende viver outra religião diferente, menos conhecida. E ainda perguntamos: o jornalismo é livre? O emprego e a profissão limitam a liberdade individual?

Neste programa do REC, participaram os alunos Margarida Fonseca, Miguel Rolo e Rebeca Martins, do Instituto Politécnico de Leiria; Evelyn Padovani e Isabella Teixeira, da Universidade do Porto; Fernando Pinheiro, Diogo Costa, João Pedro Queiróz, Gustavo Silva, Carolina Monteiro, Maurício Pires, Maria Correia e Ana Sousa da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro; e Filipa Matias, da Universidade Nova de Lisboa. A coordenação dos trabalhos realizados nas Universidades e Politécnicos esteve a cargo de Marco Gomes, Ricardo Morais e João Pedro Baptista. A condução deste programa foi de Gil Gomes, da Universidade do Porto. Filipe Ribeiro, jornalista e Diretor do Notícias de Aguiar, foi o editor do programa. A coordenação geral foi de Fábio Ribeiro, Francisco Sena Santos e Miguel van der Kellen, do REC.